É fazer o bem sem olhar a quem’, diz motorista que doa sangue há 21 anos

O motorista de máquinas pesadas Márcio de Oliveira, de 41 anos, foi uma das pessoas homenageadas pelo Instituto de Hematologia e Hemoterapia do Amapá (Hemoap), no Dia Mundial do Doador de Sangue, celebrado na quarta-feira, 14.  A programação faz parte do Junho Vermelho, mês destinado à conscientização sobre o ato de solidariedade.

Márcio é doador de sangue há 21 anos. Ele conta que o desejo de ajudar ao próximo cresceu em seu coração  ainda na adolescência, quando precisou passar por uma cirurgia e necessitou de sangue.

“Desde aquele momento, decidi que ajudaria outras pessoas doando meu sangue. Para mim, esse é um ato simbólico de amor. É fazer o bem sem olhar a quem”, destacou.

Cada um dos homenageados recebeu um certificado de reconhecimento. Entre eles, estava o capitão do Corpo de Bombeiros Anderson Barbosa Costa, de 38 anos, que faz parte de um grupo de militares que doa sangue regularmente.

“Já sou doador há quase 10 anos e esse momento é para compartilhar vida, amor e esperança. Sempre incentivo outras pessoas a ajudarem alguém dessa forma. A doação é anônima e faz muito bem”, disse o capitão.

Não existe nenhum substituto para o sangue e, sem estoques adequados, muitas vidas podem ser perdidas. Nos hospitais, todos os dias, acontecem diversas situações que necessitam de bolsas de sangue. Há pacientes que precisam de transfusão devido a acidentes, cirurgias, queimaduras, entre outras situações. Também há pacientes acometidos por leucemias e anemias que precisam de transfusões periodicamente, como parte do seu tratamento.

“Pedimos aos doadores que retornem ao hemocentro para fazer novas doações e nos ajudar nesta causa. Precisamos de sangue todos os dias para ajudar salvar e manter vidas”, enfatizou o chefe de captação do Hemoap, Elmira Melo.

O Hemoap possui mais de 180 mil doadores de sangue cadastrados, sendo 20 mil de repetição, que são aqueles que frequentam de forma mais regular o instituto, com até 3 doações anuais. O hemocentro conta, ainda, com cerca de 33 mil doadores de medula óssea cadastrados e realizou no ano passado, 199 transfusões de sangue a pacientes no próprio instituto.

Estoque atual do hemocentro

O estoque está crítico para as tipagens A e B de fator negativo e O positivo. O Hemoap registrou, durante a última semana de maio, a média de 50 doadores aptos por dia. O quantitativo indicado para suprir as necessidades das unidades hospitalares é de 87 voluntários por dia.

Quem pode doar?

A pessoa só é classificada como apta ou não a doação, após uma triagem clínica que consiste num questionário sobre a saúde e vida do possível doador.

– É necessário estar em boas condições de saúde; pesar acima de 50 kg; ter idade entre 16 e 69 anos; não ter apresentado sinais ou sintomas gripais nos últimos 14 dias e não ter testado positivo para Covid-19 nos últimos 10 dias;

– No dia da doação, é necessário levar documento oficial com foto, CPF e comprovante de residência ou cartão do SUS;

– Os menores de 18 anos necessitam de autorização dos responsáveis. O termo de autorização pode ser solicitado via WhatsApp do Hemoap: (96) 98811-0200. A presença dos responsáveis é facultativa no dia da doação de sangue;

– Os intervalos para doação de sangue são de 60 dias para homens e 90 dias para mulheres.

Principais recomendações para o dia da doação

– Comparecer utilizando máscara. No Hemoap, o uso é obrigatório;

– O doador precisa estar descansado. O hemocentro recomenda pelo menos 6h de sono na noite anterior ao procedimento de doação de sangue;

– Não comparecer ao hemocentro em jejum. É preciso estar bem alimentado. A recomendação é evitar alimentos gordurosas pelo menos 3h antes da doação;

– Não ingerir bebida alcóolica no mínimo 12h antes;

– Não ter fumado pelo menos 2h antes.

Onde doar?

A unidade fica localizada na avenida Raimundo Álvares da Costa, esquina com a rua Jovino Dinoá. O funcionamento é pela manhã, entre 7h30 e 12h. As doações de sangue podem ser feitas por comparecimento espontâneo ou agendadas via WhatsApp (96) 98811-0200.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *